Não é segredo que o marketing de conteúdo é uma das principais estratégias digitais utilizadas atualmente. Por meio dele, sua empresa atrai mais usuários que, ao consumirem materiais interessantes, se mostram cada vez mais engajados e prontos para realizar conversões.

Essa maneira de atrair clientes em potencial diz muito sobre a nova postura do consumidor, cada vez mais exigente. Neste conteúdo, vamos mostrar como aplicar o marketing de conteúdo ao seu negócio!

A seguir, você vai entender mais sobre o tema e quais são as principais etapas da construção de uma estratégia relevante e capaz de proporcionar resultados concretos à sua empresa.

Siga a leitura para ficar por dentro de tudo que engloba a estratégia!

O que é marketing de conteúdo e qual sua proposta?

O marketing digital já é uma realidade. Empresas têm investido cada vez mais no posicionamento de suas marcas pela internet, que é um ambiente totalmente propício para várias estratégias.

Dentro dessa vertente digital, há o Inbound Marketing, conceito que reúne técnicas e ações que visam a atração do cliente. Nesse contexto, a empresa se posiciona para que o público vá até ela!

O marketing de conteúdo é uma das estratégias mais importantes do Inbound. A proposta é simples: captar o fluxo de usuários por meio de materiais relevantes para eles, ou seja, que realmente despertem interesse e sejam valiosos.

Assim, é possível propor algo que realmente gere impacto no público-alvo, educando, envolvendo e, posteriormente, transformando em clientes.

É preciso engajar para depois vender

O marketing de conteúdo tem como importante base de abordagem o conceito de consumidor 4.0. Ele se mostra preocupado com toda a experiência de compra, e não só com o preço e o produto em si.

Esse perfil de consumidor espera que as marcas estejam alinhadas com suas ideias, se mostrem mais próximas e os envolvam em um momento completo. Para isso, os conteúdos são indispensáveis.

O trabalho de oferta dessa estratégia precisa estar alinhado com o funil de vendas, composto por 3 níveis: topo, meio e fundo. A ideia é:

    • atrair o público;
    • mostrar quais problemas eles podem resolver;
    • fazê-lo perceber isso;
    • educá-lo;
  • por fim, mostrar que o seu produto é a solução ideal.

Para isso, vídeos, e-books e, principalmente, blog posts levam esse conteúdo de destaque ao público.

Estratégia: quais as etapas para aplicar na sua empresa?

Cada vez mais, as empresas têm entendido que a migração para o digital deve ser feita. As ações de marketing são parte desse processo de transformação digital e, em meio às estratégias, o marketing de conteúdo está em alta.

No entanto, bons resultados dependem da implementação e da prática correta. É fundamental cuidar de cada uma das etapas para que os conteúdos oferecidos realmente captem pessoas interessadas.

Não basta criar posts interessantes para os blogs ou produzir vídeos de storytelling de produção impecável. Naturalmente, essa é a base do trabalho, mas uma série de etapas importantes prepara sua empresa para atrair mais.

Não é tão simples posicionar conteúdos na web. Eles precisam ser atrativos, estar adaptados aos motores de busca e devem se comunicar com o público da maneira certa.

Para aplicar o marketing de conteúdo na sua empresa, é fundamental seguir cada parâmetro que, além de prezar pela qualidade desses materiais, também os adapta para terem um impacto melhor no público.

A seguir, conheça cada uma das etapas com as quais o marketing precisa se preocupar e veja como elas possibilitam ao seu negócio ter uma estratégia de marketing de conteúdo sólida.

Defina os objetivos da estratégia

Toda empresa tem objetivos mais importantes em determinado momento. O marketing de conteúdo pode ajudar a alcançá-los, desde que eles sejam definidos adequadamente.

Aumentar as vendas, captar leads, melhorar o fluxo de usuários no site e uma série de outras propostas estão entre as muitas necessidades que as empresas têm, então, é importante definir qual é o objetivo da estratégia.

Se as vendas precisam aumentar, os conteúdos gerados devem atrair clientes que já conhecem a marca e estão na fase de decisão de compras. Nesse estágio, a abordagem pode ser mais clara, falando dos produtos e dos serviços, mostrando os benefícios e como podem ajudar o público.

Se a busca é pela obtenção de leads, por outro lado, os conteúdos devem ser mais ricos e educativos, como os e-books.

Produza conteúdos relevantes

Usuários da web têm uma imensidão de conteúdos à sua disposição, sobre os mais diferentes temas e interesses. O que fará com que realmente eles se interessem é a qualidade, abordagem e a profundidade desse material.

Ele pode até ser de um tema amplamente abordado, porém, se for profundo e tiver uma ótica única, certamente, esse usuário vai se interessar.

Uma das bases do marketing de conteúdo é gerar algo de valor, que seja realmente de destaque e, principalmente, atenda ao que o usuário busca.

Se você quer mostrar, por exemplo, quais são os 10 melhores tênis de corrida do mercado, seu post precisa trazer realmente os 10 que mais se destacam e mostrar os motivos. É importante cumprir com o que é proposto, fazendo isso com qualidade.

Crie uma persona

Conhecer seu público-alvo é extremamente importante, mas isso não basta. A amostragem desse conceito é ampla demais. Para gerar conteúdos ainda mais precisos e certeiros, é fundamental ter uma definição mais detalhada de quem você se comunica.

A persona traz exatamente isso, permitindo que a empresa conheça mais a fundo os hábitos e outros detalhes em comum dessas pessoas.

A persona se trata de uma espécie de perfil fictício do que é entendido como as pessoas que se interessam pela marca. São avaliados:

    • dados demográficos;
    • práticas de consumo;
    • interesses pessoais;
    • necessidades;
    • desejos;
    • posição social;
    • escolaridade;
    • emprego;
  • personalidade.

Ao gerar essa persona, a marca tem um personagem que representa de maneira fiel com quem ela fala.

Crie um blog para a empresa

Talvez a sua empresa não tenha essa percepção, mas os blogs têm um impacto enorme na forma como o público é positivamente afetado. Eles são adotados por 70,5% das empresas que investem em marketing digital, segundo a Content Trends 2018.

Isso mostra que produzir posts informativos e dentro dos diversos níveis do funil do marketing é importante para captar, engajar e gerar conversão.

Sua empresa deve ter um blog institucional em que as estratégias de marketing de conteúdo possam ser endossadas por meio desses posts.

No site do negócio, é fundamental ter um espaço que redirecione o usuário para o blog. Assim, ele entende que, ali, haverá artigos chancelados pela sua marca.

Mantenha a regularidade nos posts

Tão importante quanto se preocupar em como criar um blog é mantê-lo atualizado. Esse é um grande desafio, porém, é simplesmente crucial para que a estratégia de conteúdo dê certo.

Uma vez que o público é atraído e é engajado pelos posts, é indispensável disponibilizar sempre mais materiais que continuem esse envolvimento. Essa é a principal maneira de continuar a condução do usuário até que ele se torne um cliente.

Um blog atualizado também gera um impacto positivo na imagem da marca. Ela é vista como uma empresa que se preocupa em se manter relevante na web, o que é bem-visto pelo público.

Novos posts entregam o que esse leitor espera, ajudam a reforçar a marca como uma referência na temática que aborda e, consequentemente, geram cada vez mais conversões dentro do objetivo definido lá no início.

Aplique o SEO continuamente

Search Engine Optimization (SEO) — ou Otimizações para os Motores de Busca, em português — consiste em um conjunto de melhorias que devem ser aplicadas em tudo relacionado ao marketing de conteúdo.

Lembra que falamos sobre ser parte do Inbound Marketing? Sendo assim, esses conteúdos são feitos para atrair, ou seja, os usuários procuram determinados assuntos na web e, então, chegam até o que sua empresa produz.

O SEO busca adequar descrições de vídeos, blog posts e sites, de modo que estejam mais bem ranqueados no Google.

Ao realizar essas melhorias, as chances de os conteúdos serem encontrados nos primeiros resultados de busca crescem consideravelmente.

Sem o SEO, seu conteúdo é apenas mais um na web, sem destaque e sem ser encontrado. As adaptações e melhorias devem ser feitas continuamente, pensando em cada nova ação, para que elas possam ser encontradas.

Pense em conteúdos estratégicos

Ao desenvolver os conteúdos, é fundamental pensar neles de forma estratégica. O primeiro passo é pensar nas etapas do funil.

Sua empresa deve publicar materiais de atração, mais avançados, abordando assuntos mais profundamente, e também os de decisão, que falam mais abertamente sobre os produtos. Assim, você alcança diversos objetivos dentro da estratégia.

Além disso, é preciso pensar também nas palavras-chaves inseridas dentro dos posts ou na descrição, e nos títulos dos vídeos. Esses termos são aqueles que os usuários digitam na busca do Google.

Por exemplo, se você vende tênis para corrida e desenvolve um post para falar dos mais baratos no momento, seu artigo deve ter no título e no corpo algum termo relacionado à busca.

Nesse caso, um estudo ajuda a entender como os usuários procuram esses tipos de artigos na internet. Você encontrará recorrências de palavras-chave como “tênis de corrida baratos” ou “os tênis de corrida mais baratos”. Se o seu conteúdo tem essas palavras-chaves, quando o usuário utilizá-las na busca, automaticamente, será redirecionado para o seu artigo.

Divulgue os conteúdos produzidos

Sua empresa precisa também divulgar esses conteúdos de maneira ampla. Isso garante que usuários de diversos canais sejam atraídos por eles, sem se limitar a apenas um tipo de fluxo.

Se você faz um blog post, pode replicar essa publicação no Facebook, no Twitter, por e-mail marketing e na home do seu site institucional. O mesmo pode ser feito com um vídeo de storytelling, por exemplo.

A divulgação dos conteúdos é um trabalho que os ajuda a chegarem em mais pessoas, afinal, nem todo mundo sabe que a sua empresa tem um blog. As otimizações que o SEO propõe são parte desse trabalho, mas também é fundamental replicar nos canais da empresa.

Aproveitar tudo que o marketing de conteúdo oferece é algo bastante acessível! Diversos objetivos podem ser alcançados e sua empresa vai se colocar no mercado com mais eficiência. Seguindo cada uma dessas etapas, aplicar essa estratégia no seu negócio pode fazer toda a diferença nos resultados.

E, para conseguir a visibilidade almejada, entenda, os algoritmos de rankeamento do Google, assim como o que precisa ser feito para que você assuma as primeiras posições do buscador.

Conteúdo produzido por Rock Content.

Comentários
Categorias: Marketing